Pages

Subscribe Twitter

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Um pouco de tudo

Olá meninas!


Hoje eu vou falar de várias coisas!! Fiquei uns dias sem postar, agora vai tudo de uma vez!! hehehe

Primeiro a minha unha da semana.

Oncinha!! 

Fofinha né! Demorou 3 dias para ficar pronta hehehe...calma vou explicar o pq!
Eu que fiz...tirei cutícula e pintei...ai chegou cliente pra minha mãe e fui quase expulsa da mesa dela (brincadeira kkkk), chegou cliente pra mim e o calor do secador estragou as pontas kkkkk.
Depois apareceu uma senhora pedindo pra trocar o esmalte dela e lá vai eu mexer com acetona...pronto estragou tudo!
Segundo dia...ficou a caca que estava mesmo pq fiquei com muitaaaa preguiça! No terceiro dia que minha mãe arrumou hehehe!

Próximo assunto...

Roupas hehehe!

Ganhei um shorts florido que é muitoooo lindo! (depois tiro foto com ele)
E shorts florido vem com tudo pra esse verão. Delicados, despojados ou em tecidos finos, vão dar um charme e valorizar as nossas pernocas.
E todas podem usar e abusar deles...só seguir algumas regrinhas
O shorts florido em tons claros é indicado para as magrinhas, pois as estampas florais com fundo branco tendem a aumentar o quadril;
Já quem é mais cheiinha e quer usar a moda do shortinho floral, pode optar por florais com fundo escuro e até os shorts florido no estilo boyfriend, mais larguinho nas coxas.
-O legal é que o short floral pode ser usado com camisa de cetim, crepe e outros tecidos mais leves que levam a cara do verão em cores neutras como rosa bebê, azul claro, branco entre outros tons.

É uma gracinha né? O meu é rosinha!

Ai eu me empolguei com essa história de flores e talz...comprei duas blusinhas floridas!!


Ultimo assunto! (isso é preguiça de fazer um post pra cada coisa rss)


Li uma matéria sobre cabelos e achei legal compartilhar com vocês

Fala sobre 12 erros que todas nós as vezes cometemos e que acabam com os nossos cabelos!!

1º Deixar o condicionador no cabelo: os condicionadores abrem as escamas dos fios. "Assim conseguem penetrar e tratá-los", afirma o cabeleireiro Paulo César Schettini. Mas deixar o produto depois do banho é péssimo, porque as escamas não se fecham, o cabelo fica elástico e acaba se quebrando à toa;

2º Esquecer as hidratações: a hidratação tem a capacidade de dar leveza e nutrir os cabelos, recuperando a maciez, o brilho e o aspecto saudável deles. Em função do grande uso dos produtos químicos (tinturas, alisamentos, relaxamento, entre outros), os fios tendem a ficar danificados. A função da hidratação é de reverter tudo isso. Mesmo os fios oleosos merecem hidratações, feitas com produtos específicos;

3º Lavar os cabelos com água quente: evite a água muito quente, pois ela pode causar irritações no couro cabeludo, estimulando a produção de sebo e favorecendo a oleosidade, o que também inibe o crescimento dos fios. "Varie sempre o xampu e o condicionador e use um xampu de limpeza profunda (uma vez por semana ou a cada 15 dias) para retirar excessos de químicas, sujeira e oleosidade para que o couro respire melhor", explica o cabeleireiro Marcus Corazza;

4º Usar máscara hidratante na praia: não adianta inventar. Para tomar sol, o ideal é passar um creme sem enxágue com proteção solar. E nada mais. "Muitas mulheres acham que, usando uma máscara mais poderosa, estão protegendo o cabelo", diz Paulo César.Na verdade, elas estão queimando os fios. Esses produtos, além de não formarem uma capa contra os raios ultravioletas, têm um tempo de permanência. Excedê-lo enfraquece os cabelos;

5º Prender os fios molhados: fazer isso uma vez ou outra não tem problema nenhum. Mas achar que vai domar o volume dos fios dando um bom nó em volta deles é assinar um atestado de raiva permanente.
"Manter o couro cabeludo molhado por muito tempo faz juntar fungos e criar caspa, além de enfraquecer a raiz e provocar a queda", afirma Paulo César. Usar um leave-in e evitar o vento enquanto a cabeça não seca são medidas suficientes para evitar o cabelo armado demais;

6º Passar chapinha no cabelo molhado: este é um daqueles pecados sem misericórdia nenhuma. A gravidade é tanta que dá para sentir os efeitos na mesma hora. Os fios são profundamente agredidos. Além de queimados, eles se quebram. "O único jeito de consertar é cortando", alerta Paulo Schettini. Antes de usar a prancha, seque bem os cabelos. Nem úmidos eles podem estar;

7º Usar o secador do jeito errado: procure mantê-lo a 30 centímetros de distância da cabeça e sempre com a temperatura intermediária ou fria, nunca na máxima, para não queimar e danificar os fios. Também evite direcionar o jato quente para a cabeça, isso estimula a oleosidade na raiz e diminui a duração da sua escova;

8º Ficar mais de três meses sem cortar: para muita gente, isso é papo de cabeleireiro. Mas não é, fique certa. A não ser que seu cabelo demore muito para crescer, este é o tempo médio de duração de um corte. Passada essa fase, as pontas começam a abrir e os fios quebram-se com facilidade. Os arrepiados aumentam o volume e os fios fracos começam a cair;

9º Desembaraçar com escovas maleáveis demais: as cerdas moles são de manuseio mais difícil, além de quebrarem os fios. Por isso, os especialistas recomendam um pente com dentes bem largos e firmes ou uma escova do tipo raquete, mais resistente;

10º Fazer mais de duas químicas: você precisa escolher os tratamentos que quer aplicar. Relaxamento, coloração, progressiva, luzes... tudo isso junto deixa os fios porosos e fracos demais, arrebentando todas as pontas. "Escolha dois tratamentos, no máximo, e faça hidratações mensais, no mínimo", indica Paulo;

11º Dispensar o leave-in: quem pretende aderir ao look natural, atenção para o alerta da cabeleireira Daniela Rocha: sem xampu, condicionador e cremes leave-in (cremes sem enxágue) não existem cachos bonitos. Isso porque cabelos crespos precisam de mais cuidados, pois as curvas dos fios dificultam que a oleosidade natural presente na raiz chegue até as pontas - assim, elas acabam ficando ressecadas, daí a importância da hidratação. E nada de improvisar, usando o condicionador como se fosse um leave-in. "O enxague é necessário no caso do condicionador. Só assim as cutículas (camada externa) dos fios são fechadas. Do contrário, o cabelo enfraquece, quebrando mais facilmente e aumentando o efeito arrepiado", diz a profissional;

12º Passar condicionador na raiz: o condicionador colabora com o aumento da oleosidade e, como tampa os poros capilares, aumenta a incidência de caspa. "Existem cabelos que possuem raiz oleosa, e o condicionador aumenta ainda a produção de sebo. Já a caspa pode aparecer em casos avançados, já que o condicionador irá fazer o couro cabeludo ficar com excesso de umidade, tampando os poros capilares", explica o cabeleireiro Gennaro Preite.



Confesso que já fiz muito coisa que está nessa lisa...mas depois aprendi e agora cuido muito bem do meu cabelinho!!

Bom meninas, vou parar por hoje! Espero que gostem do post...ficou um pouquinho grande mas tabom!

Bjos =*

0 comentários:

Postar um comentário